Inglês Básico – Dicas

  • Imagens da Aula
  • +
  • +
  • Curso

Captura de tela em 2015-07-06 15:26:50

Captura de tela em 2015-07-06 15:27:13

Captura de tela em 2015-07-06 15:27:22

Esta Aula pertence ao Curso de Ler, Escrever e Interpretar em Inglês oferecido pela Ensino Nacional

certificado1 (1)

CUMPRIMENTOS E APRESENTAÇÕES – GREETINGS AND INTRODUCTIONS
Veja alguns cumprimentos e apresentações mais usados em inglês.
• Das saudações em português, Bom dia (good morning), Boa tarde (good afternoon) e Boa noite (good night), apenas uma tem uso mais mais comum em inglês, Good morning.
Veja alguns exemplos: Olá – Hello; Oi – Hi; Bom dia – Good morning; Boa tarde – Good afternoon (em situações mais formais); Boa noite (quando se chega a algum lugar) – Good evening; Dia! (contexto informal) – Morning!; Tarde! (contexto informal) – Afternoon!; Noite! (contexto informal) – Evening! (em situações informais a palavra good é omitida).
Podem ainda ser:
• Qual é o seu nome? – What’s your name?
• Oi, eu sou… – Hi, I’m…
• Desculpe, (mas) qual é mesmo o seu nome? – I’m sorry, (but) what was your name again?
• (Muito) Prazer! (situações formais) – Nice to meet you / Pleased to meet you / Glad to meet you.
• O prazer é (todo) meu! (situações formais) – Nice to meet you too (normalmente se diz enquanto se apertam as mãos) / Pleased to meet you too / Glad to meet you too.
• Como vai? / Tudo bem (bom)? – How are you? / How are you doing?
• Como é que tá? (informal) – How’s you?
• Estou bem, obrigado(a) – (I’m) Fine, thanks.
• Estou bem, e você? – (I’m) Fine, and you?
• Tô legal. E você? (informal) – Fine thanks. You?
• Está tudo bem? – Is everything ok?
• Tudo bem – Ok
• Obrigado(a) / Muito obrigado(a) – Thank you / Thank you very much!
• Você conhece o John? – Do you know John?
• Eu quero lhe apresentar ao… – I’d like you to meet…
• Já ouvi falar muito de você – I’ve heard a lot about you.
• Coisas boas, eu espero – All good, I hope.
• Finalmente estou conhecendo você! – At last! We meet!
• Gostei de conhecê-lo. – (It was) Nice meeting you.
Despedindo-se – Saying goodbay / Farewells
• Até logo / Até mais – See you / See you later / Until next time / Until we meet again!
• Até já! – See you soon! / See you in a minute!
• Até amanhã – See you tomorrow / Until tomorrow.
• Tchau – Goodbye / Bye bye.
• Foi um prazer / Gostei de vê-lo(a) – Pleased to meet you / see you.
• Boa noite (como despedida ao se retirar de um lugar à noite) – Good night!
Palavras e expressões para todos os dias – Everyday words and expressions
• Sim – Yes
• Não – No
• Eu não sei – I don’t know
• Desculpe-me – I’m sorry / Excuse me
• Sinto muito – I’m sorry
• Com licença – Excuse-me
• Por favor – Please
• Por favor, fale devagar – Please, speak slowly
• Meu nome é… / Me chamo – My name is…
• Estou com fome – I am hungry
• Estou com sede – I am thirsty
• Obrigado(a) – Thank you
• De nada – You’re welcome / Don’t mention it
• Quanto custa? – How much is it?
• Você aceita cartões de crédito? – Do you take credit cards?
• Quando? – When?
• Como? – How?
• Onde? – Where?
• Quem? – Who?

BÁSICO DA COMUNICAÇÃO
Pedidos
• A comunicação no dia a dia envolve diversas situações.
• Aprenda a fazer pedidos, seja para comprar algo, consumir algo em um restaurante ou ainda, conseguir alguma informação.
• É importante fazer isso de maneira clara e educada.
• Para fazer a primeira abordagem, a melhor forma de abordar um desconhecido é iniciar com “excuse me” (com licença).
• Se for homem, pode-se dizer “excuse-me, sir” (com licença, senhor), e no caso de uma mulher, “excuse-me, ma’am” (com licença, senhora).
• Para pedir algo, a primeira reação geralmente é a de traduzir o “Eu gostaria…” (I would like…).
• Mas em inglês, é mais educado fazer os pedidos em forma de pergunta, como “Can I have…?” (Posso ter…? ou Você poderia me dar…?).
• Ex: Can I have a cup of coffee? (Você poderia me dar uma xícara de café?)
• Can I have a map of the city? (Você poderia me dar um mapa da cidade?)
• Can I have a larger size? (Você poderia me dar um tamanho maior?)
• Quando alguém entrega o pedido, é comum dizer “Here you are” (aqui está).

O agradecimento pode ser feito das seguintes maneiras:
• Thank you, sir (ma’am) = Obrigado, senhor (ou senhora).
• Thank you very much = Muito obrigado.
• E a maneira mais informal, “Thanks” (obrigado).
Dar opinião
• Mesmo com um nível básico de comunicação, é possível se expressar e participar de forma mais ativa de uma conversa.
• Para dizer que ama algo, deve-se falar “I love it” (Eu amo isso).
• Ainda pode-se dizer “I like it” (eu gosto disso), “I enjoy it” (eu curto isso), ou ainda, “I don’t mind it” (eu não ligo muito para isso).
• Para falar do que não gosta, pode-se dizer “I don’t like it” (Eu não gosto disso) ou “I hate it” (Eu odeio isso).
• Para expressar a opinião de algo é interessante, bonito ou entendiante, o ideal é iniciar com estruturas como “I think…” (Eu acho…), ou “In my opinion…” (Na minha opinião).
• Ex: I think she is very beautiful (Eu acho que ela é muito bonita). In my opinion this film is boring. (Na minha opinião, este filme é entediante).
Obs: Outra maneira de dar a opinião, é dizer se concorda ou não com algo. Neste caso, pode-se usar: “I agree” (Eu concordo) ou “I disagree” (Eu discordo).
Comunicação no Telefone
Ao iniciar uma conversa pelo telefone, depois do “hello” (olá, também usado para alô), deve-se perguntar:
• “Is John there?” (O John está?)
Ao ouvir a pergunta, a pessoa que atende o telefone tem as seguintes opções:
• “Yes, just a moment.” (Sim, só um momento)
• “No, he’s not here at the moment.” (Não, ele não está aqui no momento).
• Nesse caso, pode-se dizer ainda “Can I take a message?” (Posso anotar o recado?)
• A conversa pelo telefone termina da mesma maneira que uma conversa presencial.
• Pode ser com “bye” (até logo), e se a pessoa deixou uma mensagem, “Bye, thank you” (Até logo, obrigado).
• No caso de grandes empresas, pode haver uma telefonista.
• Veja algumas expressões próprias, se for o caso:
• “Hold on. Just a minute.” = Aguarde. Só um minuto.
• “I’ll put you through.” = Eu vou passar a ligação.
• “The line is busy.” = A linha está ocupada.
• “Good morning. Which department, please?” = Bom dia. Qual departamento, por favor?

EXPRESSÕES IDIOMÁTICAS E GÍRIAS – IDIOMS AND SLANGS
• As expressões idiomáticas (idiomatic expressions), são conhecidas como “idioms”.
• São figuras de linguagem em que um termo ou a frase assume um significado diferente do que teriam isoladamente.
• Isto é, não há uma definição literal por si só.
• Logo, não basta saber o significado das palavras que formam a frase, é preciso olhar para todo o grupo de palavras que constitui a expressão para atender o seu significado.
• As expressões idiomáticas trazem conotações diferentes.
• Estas expressões tornam o inglês falado mais natural.
• Veja a seguir alguns exemplos de expressões idiomáticas mais usadas.
• Burn the midnight oil = estudar ou trabalhar até tarde da noite. Ex: I have to burn the midnight oil if I really want to have success on my test. (Tenho que estudar até tarde da noite se eu realmente quero ter sucesso em minha prova).
• Rain or shine = “faça chuva ou faça sol”
• Act your age = Não seja infantil.
• Beyond a shadow of doubt = Sem sombra de dúvida.
• Cross my heart = “Juro por Deus”.
• For godness’ sake! = Pelo amor de Deus!
• Hand in hand = De mãos dadas.
• Keep your eyes peeled = Fique atento.
• Leave it to me = Deixa comigo.
• Once and for all = De uma vez por todas.
• Pretty soon = Em breve.
• Quite a bit = Muito, um montão, bastante, um bocado.
• Talk is cheap = Falar é fácil.
• It is up to you = Você que sabe.
• Take your time = Não se apresse.
• It is not your business = Não é da sua conta.
• To kick the bucket = Bater as botas / morrer.
• How come? = Como é que pode?
• How are you doing? = Como está?
• It is raining cats and dogs = Está chovendo muito / Chovendo canivete.
• Over the moon = Estar feliz / Estar no mundo da lua de tão contente.
• On the crest of a wave = Estar por cima.
• To put the cat out of the bag = Contar um segredo / Não esconder o jogo
• What’s up? = E aí, como é que é? (informal)
• Help yourself / Be my guest / Go ahead (informal) = Sirva-se
• Nothing ventured, nothing gained = Quem não arrisca, não petisca
• No pain, no gain = Não há recompensa sem esforço
• As far as I know = Que eu saiba…
• As if! = Até parece!
• A cat may look at a king = “Olhar não tira pedaço”.
• When pigs fly = algo que nunca vai acontecer / Dia de São Nunca.
• To cost an arm and a leg = “Custar os olhos da cara”.
• A piece of cake = Algo muito fácil / Moleza.
• You can’t judge a book by its cover = Não julgar pelas aparências.
• Break a leg = Boa sorte.
• He said, she said = Diz que diz.
• I need it yesterday! = É para ontem!

CORES E DIAS DA SEMANA
Muitas vezes o que uma cor representa em uma língua, não quer dizer a mesma coisa em outra.
Veja uma lista com cores (colors):
• White – branco
• Black – preto
• Red – vermelho
• Green – verde
• Blue – azul
• Yellow – amarelo
• Gold/golden – ouro / dourado
• Silver – prata
• Orange – laranja
• Purple – roxo
• Pink – rosa
• Grey – cinza
• Violet – violeta
• Lime – verde limão
Veja o que significa as cores e algumas expressões usadas com cada uma.
• White – Ex: white lie = Traduzindo no sentido literal, significa mentira branca. É a prática de contar uma mentira para se evitar aborrecimentos.
• Black – Ex: Black sheep = Ovelha negra.
• Red – Ex: Red-haired = De cabelo ruivo.
• Golden – Ex: Golden opportunity = “chance de ouro”, uma oportunidade única.
• Green – Ex: To be green = ser inexperiente, amador.
• Blue – A cor azul no português representa alegria, como na expressão “tudo azul”. Já no inglês, blue simboliza tristeza, como na expressão “feel blue” (sentir-se triste, deprimido).
• Ex: Once in a blue moon = “uma vez na vida outra na morte”, muito raramente.
• Yellow – Esta cor tem sentido parecido tanto em português quando em inglês, com o verbo “amarelar” e o adjetivo “yellow”.
Dias da semana
O nome dos dias da semana fazem referência aos planetas, o que começou com os antigos romanos, quando eles identificavam o dia baseando-se na galáxia.
Em inglês, os dias são:
• Sunday (Domingo) – Sun, Dia do Sol.
• Monday (Segunda- feira) – Moon, Dia da Lua.
• Tuesday (Terça-feira) – Tiw, Deus da Guerra e do Céu, associado a Marte.
• Wednesday (Quarta-feira) – Woden, Rei dos Deuses, associado a Mercúrio
• Thursday (Quinta-feira) – Thor, Deus do Trovão, associado a Júpiter
• Friday (Sexta-feira) – Frigg, Mulher de Woden, associado a Vênus
• Saturday (Sábado) – Saturn, Deus da Agricultura, associado a Saturno.
• Os dias úteis são chamados de weekdays e o final de semana de weekend.
• Os dias são sempre escritos com letra maiúscula, e são acompanhados de “on”. Ex: I don’t work on Monday. (Não trabalho na Segunda).

ERROS MAIS COMUNS
Ao aprender uma segunda língua, é normal errar. Veja onde os brasileiros mais costumam errar:
1 → There is / Have:
• Pensando no verbo “have”, que é o verbo “ter”, muitas pessoas dizem “have a glass on the table”.
• Mas, nesse caso, o sentido de ter é o de haver, existir, devendo ser usado “there is a glass on the table” (Tem um copo sobre a mesa).

2 → Have:
• É comum os iniciantes falarem “I have 20” para dizer “Eu tenho 20 anos”.
• Mas em inglês, não se tem uma idade, se é uma idade.
• O certo é “I am 20”.
3 → Uso de palavras com mesma tradução
• Palavras diferentes, mas com a mesma tradução para o português, acabam tendo seu uso confundido.
• Por exemplo, os verbos “to lose” e “to miss” podem ser traduzidos por perder, mas possuem usos diferentes.
• Ex: É possível dizer “I lost my keys” (Perdi minhas chaves), mas se diz “I missed the bus” (Perdi o ônibus).
• O mesmo acontece com os verbos “to do” e “to make”.
• Podem ser traduzidos por fazer, mas “to do” é usado para falar de ações e “to make” é usado no sentido de criar, produzir.
4 → Palavras parecidas
• Outro caso comum são as palavras do inglês que são parecidas com alguma palavra em português.
• Por exemplo usar “actually” como se fosse “atualmente”, em vez de “na verdade”.
5 → Fonemas
• Uma dificuldade para o brasileiro, são os fonemas que não existem em português.
• O “th”, de thanks é um deles.
• Muitas vezes acaba sendo pronunciado como “f” ou “t”, podendo causar confusão.
• Ex: thanks (obrigado) e tanks (tanques), se pronunciados com som de “t” parece a mesma palavra.
• Outro fonema é o “rl”, de “world” (mundo).
Obs: Estes erros mostram que a influência da língua materna é um dos maiores problemas enfrentados para quem deseja aprender outra língua.

INGLÊS FORMAL X INFORMAL
• Aprender inglês também significa aprender a diferenciar a linguagem formal da informal.
• Preencher um formulário para emprego, escrever para um novo cliente, pedir algo a um diretor da empresa onde você trabalha, são exemplos de situações formais.
• Escrever para amigos ou pedir uma ajuda a um colega de trabalho são exemplos de situações informais.
• Algumas palavras ou frases podem soar formais ou informais.
• Abreviações, por exemplo, é algo mais informal. Ex: Em vez de dizer “going to”, um nativo pode falar “gonna”.

Veja agora o equivalente informal das seguintes palavras:
• Assure – promise (assegurar, promessa)
• Ensure – make sure (assegurar, certificar)
• Obtain – get (obter)
• Demonstrate – show (demonstrar, mostrar)
• Select – choose (selecionar, escolher)
Veja na primeira coluna as palavras informais, e na segunda coluna, a palavra correspondente mais formal.
• Ask – enquire (perguntar)
• Need – require (precisar, necessitar)
• Also – in addition (também, além de)
• Leave – depart (deixar, partida)
• Buy – purchase (compra)
• Say sorry – Apologize (pedir desculpas)
• Find out – discover, ascertain (descobrir)
• It’s about – It concerns, It’s in regards to (é sobre, trata-se de, diz respeito a)
• Deal with – handle (lidar com)
• Keep – retain (manter, reter)
• Free – release (libertar, liberar)
• Show up – arrive (chegar, aparecer)
• But – however (mas, no entanto)
Abreviações
• Existem ainda algumas abreviações que são usadas.
Veja algumas delas e sua palavra formal correspondente:
• ASAP = as soon as possible (o mais cedo possível).
• BTW = by the way (a propósito, por falar nisso, etc.).
• THX/TKS = thanks (obrigado).
Contrações informais
• As contrações informais são formas reduzidas de palavras e são utilizadas na linguagem falada.
• Por exemplo, “gonna” é a forma reduzida de going to, e “wanna”, de want to.
• São contrações informais que não fazem parte da linguagem padrão.
• Algumas pessoas nunca as usam, mesmo em contexto informal.
• Em uma mesma frase podem existir mais de uma contração.
Veja alguns exemplos comuns:
• Formal: What are you going to do? (O que você vai fazer?)
• Informal: Whatcha going to do?, ou ainda, Whatcha gonna do?
Obs: As contrações são raramente usadas na linguagem escrita, e quando são, geralmente representam o diálogo ou linguagem falada de personagens. Essas contrações são mais usadas no inglês americano.
• Formal: Do you want some water? (Você quer um pouco de água?)
• Informal: Do you wanna water?; D’you wanna water?, ou então, D’ya wanna water?
Além de gonna e wanna, veja outros exemplos comuns:
• Ain’t: é a contração de am not, is not, are not; have not e has not. Pode ainda ser a contração de to be not (não ser, não estar) e de have/has not (não ter que). Ex: He ain’t going. (Ele não está indo); It’s a free country, ain’t it? (É um país livre, não é?).
• Gimme: contração de give me (me dê, me dá). Ex: Gimme that pen (Me dê aquela caneta).
• Gotta: é a contração de (have) got a (ter um) ou de (have) got to (ter que). Ex: Gotta cigarette? (Tem um cigarro?); He’s gotta decide now. (Ele tem que decidir agora).
• Kinda: contração de kind of. Como substantivo, kinda significa tipo (de). Como advérbio, kinda significa meio. Ex: That’s my kinda party. (Este é meu tipo de festa); I’m kinda tired of all this garbage. (Estou meio cansado de todo esse lixo).

Comentários

  1. Gostei muito,simples e fácil de aprender

  2. Gostei muito,me ajudou pois é simples e fácil de aprender o ingles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *