Sinônimos e Antônimos

  • Imagens da Aula
  • +
  • +
  • Curso

Captura de tela em 2013-10-08 14:13:54

Captura de tela em 2013-10-08 14:14:36

 

Captura de tela em 2013-10-08 14:15:41

Esta Aula pertence ao  Curso como ser Aprovado em Provas e Concursos  oferecido pela Ensino Nacional

Curso com Certificado
Curso com Certificado

SEMÂNTICA
A parte da gramática que estuda os sinônimos e antônimos é a Semântica. Conheça mais sobre ela.
• Semântica é a parte da gramática que faz o estudo das significações das palavras.
• A semântica incide sobre a relação entre significantes (palavras, frases, sinais e símbolos) e o que eles representam.
• Trabalha a questão de diferentes significados que uma mesma palavra apresenta de acordo com o contexto que esteja inserida.
• A semântica se opõe à sintaxe, que busca estudar as estruturas e padrões formais.
• Para conhecer o significado das palavras (semântica) é preciso estudar, entre outros, os sinônimos, antônimos e homônimos.
• Existem outras formas de semântica, além da linguística, como as linguagens de programação, lógica formal e semiótica.
• Na linguística se estuda a interpretação do significado de uma palavra, signo, frase ou expressão em um determinado contexto.
• Esse campo também estuda as mudanças de sentido que ocorrem nas formas linguísticas devido a alguns fatores, como o tempo e espaço geográfico, por exemplo.

O significado das palavras leva em consideração: a sinonímia, antonímia, homonímia.
Sinonímia: relação entre palavras que apresentam significados iguais ou semelhantes
• Antonímia: relação entre palavras que apresentam significados contraditórios.
Homonímia: palavras que possuem significados diferentes e mesma estrutura fonológica.

A semântica também estuda a conotação e a denotação.
Conotação: uso da palavra com um significado diferente do original, é criado pelo contexto. Exemplo: Ela tem um coração de pedra.
Denotação: uso da palavra com seu sentido original. Exemplo: Pedra é um corpo duro e sólido, natureza das rochas.
Obs: Sintaxe é a parte da gramática que estuda as regras que regem a construção de frases. Estuda a disposição das palavras nas frases do discurso e sua relação lógica para a transmissão de um significado completo e compreensível.

SINÔNIMOS E ANTÔNIMOS
Veja quais são as diferenças entre sinônimos e antônimos.

Sinônimos
• São palavras que tem sentido ou significado igual ou aproximado.
• Representam praticamente a mesma ideia.
• São palavras da mesma categoria gramatical.
• O uso de sinônimos é importante para evitar repetição desnecessária na construção de textos.
• Exemplos: alfabeto e abecedário, adversário e antagonista, contraveneno e antídoto, certo e correto.
• Sinônimos Perfeitos: são os vocábulos com significado idêntico.
• Exemplos: morrer e falecer, língua e idioma, após e depois.
• Sinônimos Imperfeitos: são os vocábulos com significados próximos, mas não idênticos. É o mais comum.
• Exemplos: gordo e obeso, cidade e município, belo e formoso.

Antônimo
• São palavras de significação oposta, estabelecem entre si sentidos contrários.
• Exemplos: ordem e anarquia, soberba e humildade, quente e frio, água e fogo.
• A antonímia pode surgir de prefixos de sentido opostos ou negativos, como por exemplo: simpático e antipático, concórdia e discórdia.
Obs: Contribuição greco-latina: A língua portuguesa possui inúmeros pares de sinônimos devido à contribuição greco-latina.SINÔNIMOS ONLINE
Quando estiver em dúvida sobre sinônimos, consulte esse dicionário online.
HOMÔNIMOS E PARÔNIMOS
Você sabe como se chamam as palavras que possuem a mesma pronúncia? E as que apresentam a mesma grafia, mas têm significados diferentes?Homônimos
• São as palavras que apresentam pronúncia e/ou grafia de palavras iguais, mas com significados diferentes.
• Identidade fonética entre formas de significados e origem distintos.
• Exemplos: são (verbo ser) e são (santo).
• Mesma estrutura fonológica e mesmo fonema.
• Podem ser classificados em:
• Homônimos homófonos;
• Homônimos homógrafos;
• Homônimos homógrafos e homófonos.Homônimos homófonos – iguais na pronúncia, mas com grafia e significados diferentes. Exemplos: concerto (sessão musical) e conserto (reparo), censo (recenseamento) e senso (juízo), acender (iluminar) e ascender (subir).
Homônimos homógrafos – iguais na grafia, mas com pronúncia e significados diferentes. Exemplos: colher (substantivo) e colher (verbo), almoço (substantivo) e almoço (verbo), jogo (substantivo) e jogo (verbo).
Homônimos homógrafos e homófonos – iguais na escrita e pronúncia, mas com significados diferentes. Exemplo: livre (adjetivo) e livre (verbo livrar), serra (substantivo) e serra (verbo), são (adjetivo), são (verbo ser) e são (santo), manga (fruta/substantivo) e manga (vestuário/substantivo).

Parônimos
• São as palavras que apresentam pequenas diferenças na escrita e pronúncia, além de terem significados diferentes.
• Ex: comprimento (extensão) e cumprimento (saudação), coro (conjunto de vozes) e couro (pelo de animal), descrição (ato de descrever) e discrição (reserva de atitudes).

SEMÂNTICA EM CONCURSOS
• O conhecimento de sinônimos está ligado ao conhecimento vocabular.
• Isso é adquirido através da leitura e também da consulta ao dicionário.
• Bancas de concursos sabem que muitos candidatos não se interessam muito pela leitura, e acabam explorando questões que utilizem de sinônimos.

• Veja esse exemplo:
“A leitura propicia conhecimento e, muitas vezes, um inefável prazer. É por isso que ela é um direito inalienável do homem”.  As palavras em negrito significam respectivamente:
a) raro, inelutável.
b) estranho, inseparável.
c) indizível, insubstituível.
d) infindável, insubstituível.
e) sutil, fundamental.
• Para resolver a questão, era preciso saber que:
1) Inefável é aquilo que não se pode exprimir por palavras (indizível).
2) Inalienável é algo intransferível.
• Portanto, a resposta correta é a C.
• Isso ilustra a importância da leitura para aumentar o conhecimento sobre o vocabulário, e como isso ajuda em questões de concursos.
Veja mais um exercício:
Observe as sentenças:
O prefeito ratificou o decreto e O prefeito retificou o decreto.
As palavras em destaque podem ser substituídas, sem perder o sentido, por:
a) modificou/publicou
b) escolher/saudou
c) anunciou/arquivou
d) incorporou/apresentou
e) confirmou/corrigiu
• A resolução da questão é simples. Para isso é preciso saber que:
1) Ratificar, com letra A, é o mesmo que comprovar, confirmar, reafirmar.
2) Retificar, com letra E, tem sentido de corrigir, arrumar, deixar exato.
• Logo, a resposta correta é a E.
Homônimos e parônimos também sempre estão presentes em concursos porque apresentam um certo nível de dificuldade quanto à escrita.LISTA DE PALAVRAS
Veja uma lista com as palavras homônimas e parônimas mais cobradas em concursos!
  • acerca de = sobre, a respeito de
  • a cerca de = aproximadamente
  • há cerca de = faz
  • acender = pôr fogo
  • ascender = subir, elevar-se
  • acento = a maior intensidade com que se emite uma sílaba
  • assento = lugar em que se senta
  • auferir = colher, obter
  • aferir = conferir, comparar
  • caçar = ir atrás da caça
  • cassar = anular
  • cerrar = fechar
  • serrar = cortar
  • comprimento = extensão
  • cumprimento = saudação
  • cela = pequeno quarto de dormir
  • sela = arreio
  • conserto = reparo
  • concerto = sessão musical
  • deferimento = concessão, permissão
  • diferimento = adiamento
  • demais = equivale a “muito”
  • de mais = substituível por “a mais”
  • delatar = denunciar
  • dilatar = ampliar
  • descrição = ato de descrever
  • discrição = qualidade de quem é discreto
  • espiar = olhar
  • expiar = sofrer castigo
  • emergir = vir à tona
  • imergir = mergulhar
  • emigrar = deixar um país
  • imigrar = entrar num país
  • migrar = mudar de região
  • eminente = célebre
  • iminente = prestes a acontecer
  • espectador = o que assiste
  • expectador = o que tem esperança
  • estada = permanência de pessoas
  • estadia = permanência de veículos
  • flagrante = evidente
  • fragrante = perfumado
  • fuzil = espingarda, carabina
  • fusível = componente de instalação elétrica
  • indefeso = desarmado, fraco
  • indefesso = incansável, laborioso
  • infligir = aplicar pena
  • infringir = desrespeitar
  • inserto = incluído
  • incerto = que não é certo
  • mandado = ordem judicial
  • mandato = período de missão, procuração
  • mais = é antônimo de menos
  • más = é sinônimo de maldosas
  • mas = equivalente a porém
  • pleito = eleição
  • preito = homenagem
  • precedente = antecedente
  • procedente = proveniente, oriundo
  • preeminente = nobre, distinto
  • proeminente = saliente
  • previdência = aquele que prevê
  • providência = medida prévia para alcançar um fim
  • soar = emitir som
  • suar = transpirar
  • sobrescrever = endereçar
  • subscrever = assinar
  • tacha = preguinho
  • taxa = imposto, percentagem
  • tampouco = também não
  • tão pouco = muito pouco
  • tráfego = movimento, trânsito
  • tráfico = comércio ilegal
  • vultoso = de grande vulto, volumoso
  • vultuoso = inchado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *