TCC – Trabalho de Conclusão de Curso

Como fazer um TCC – Completo

  • Imagens da Aula
  • +
  • +
  • Curso
tcc1
tcc4
tcc5
Esta Aula pertence ao Curso como Realizar um TCC oferecido pela Ensino Nacional
Curso com Certificado

DEFINIÇÕES
O TCC é apresentado para avaliação acadêmica no final da graduação.
O trabalho deve ser entregue em tempo hábil, podendo o aluno ser reprovado se não respeitar os prazos.

O que é
• Trabalho de Conclusão de Curso, ou TCC, é o trabalho final de graduação, podendo ser chamado também de Trabalho de Graduação (TG), Trabalho de Graduação Interdisciplinar (TGI), Projeto de Formatura ou Projeto Experimental.
• É um trabalho acadêmico usado para a avaliação final dos graduandos, contemplando a diversidade dos aspectos de sua formação.

Avaliação Final
• É amplamente utilizado no ensino superior no Brasil.
• De uma maneira geral é escrito individualmente, mas pode ser feito em dupla ou em grupo, normalmente no último ano de faculdade.
• Um professor é responsável, sendo o orientador do TCC.
• Como é utilizado em diversas instituições como um critério de avaliação final do aluno, em caso de reprovação, ele é impedido de obter o diploma e, consequentemente, de exercer a profissão até que seja aprovado.
Formato do TCC
• O formato do tcc varia entre as instituições e cursos.
• Por exemplo, em cursos ligados à área da saúde, como medicina, pode ser requisitado um trabalho na forma de estágio e relatório.
• Já em áreas como Direito ou História, a monografia pode ser exigida.
• O tcc envolve: pesquisa bibliográfica ou empírica (de campo), execução e uma apresentação perante uma banca composta de 3 a 5 professores.Obs: Tipos de TCC
Esses são alguns tipos de trabalhos de TCC, dependendo da instituição de ensino e do curso:
• Estudo de Caso
• Artigo Científico
• Atividade Prática
• Monografia
• Projeto Arquitetônico ou UrbanísticoESCOLHA DO TEMA
Antes de tudo é preciso que o aluno tenha um tema para o trabalho.
Tema:
A recomendação de professores orientadores é que o tema seja um assunto que o aluno possua afinidade. Isso porque a pessoa vai passar mais ou menos um ano escrevendo sobre o assunto.
Perguntas:
Perguntas ajudam a delimitar um tema. O início de um trabalho acadêmico deve ser uma dúvida. Alguma área do curso escolhido que tenha algo para ser descoberto ainda.
Critérios:
Deve também atender a seus propósitos acadêmicos e profissionais. Alguns dos critérios para a escolha do tema são: afinidade com o tema, relevância para a comunidade científica e para a sociedade, existência de uma bibliografia suficiente, inovação e reposta a uma questão que ainda persista.ETAPAS PARA ELABORAÇÃO DO TCC
A escolha do tema e definição do problema de pesquisa é a etapa inicial.
• Com o tema escolhido, a seleção bibliográfica é o próximo passo.
• A escolha do professor orientador também entra nesta etapa inicial.
• Procure alguém que você tenha um bom relacionamento e que possa acompanhar e auxiliar nas etapas de seu projeto.
• Em algumas instituições de ensino a escolha do professor vem antes da escolha do tema (em outras, é o inverso).
Para facilitar, veja uma lista:
Escolher o tema;
Escolher orientador (depende da instituição de ensino);
Definir o problema;
Elaborar perguntas e objetivos;
Elaborar um Projeto de Pesquisa;
Escolher a bibliografia;
Fazer o estudo de campo (ou caso prático);
Redigir um esboço para apresentar ao orientador;
Fazer as correções necessárias;
Defender o TCC perante a banca.
• Uma dica é fazer um “esqueleto” do seu trabalho, esboçando os capítulos, possíveis títulos e o que você gostaria de abordar em cada um deles.
• Com isso pronto, apresente para o seu orientador.
• Ele dará um foco mais acadêmico e científico para seu projeto.PROFESSOR ORIENTADOR
Informe-se se na sua instituição a escolha do professor orientador é antes ou depois da definição do tema.
O orientador é alguém importante para o aluno em todas as etapas do desenvolvimento do trabalho de conclusão de curso, desde a escolha do tema até a sua defesa no final. Sempre que for necessário, procure seu orientador.
Entre as atividades do professor orientador, ele vai sugerir bibliografia acerca do assunto escolhido, questionar as afirmações colocadas no trabalho, apontando o que não estiver coerente e vai discutir as metodologias utilizadas. Normalmente os encontros são semanais.
O professor lê o trabalho e passa novas orientações ao aluno. Um dos componentes da banca é o próprio orientador. O restante da banca o aluno escolhe em conjunto com seu orientador.
Obs: Substituir Professor Orientador:
• Se não estiver tendo uma boa relação com seu professor orientador é possível pedir uma substituição.
• O ideal é ver como isso ocorre e quais são os procedimentos com sua instituição de ensino.ORGANIZANDO OS MATERIAIS
O que fazer com os materiais que você for reunindo ao longo das pesquisas e bibliografias?
• A organização é importante para não se perder em meio à infinidade de materiais que você vai reunir para ler e escrever.
• Uma dica de especialistas é iniciar um sistema de arquivo tanto físico (pastas, fichas) quanto digital (computador).
• Arquivo físico: papeis, artigos, xerox, e outras fontes bibliográficas. Separar em pastas por temas ou assunto.
• Arquivo digital: separe os documentos por capítulos e deixe um à parte para as referências bibliográficas.
• Isso vai permitir uma organização maior e mais facilidade para encontrar o material que for necessário, sem perder tempo.
• É interessante também por notas no rodapé do seu arquivo com o dia/horário das versões.
• Atenção: é muito importante que você faça backups e mantenha cópias de segurança de tudo.
• Muitos alunos têm problemas com isso, então é imprescindível manter cópias em seu email, em um pen drive, hd externo, e na nuvem.
• O ideal é ir salvando a cada 10 ou 15 minutos, em média.
Obs: Backup na Nuvem:
Utiliza-se a capacidade de armazenamento de computadores e servidores compartilhados e interligados por meio da internet.
O armazenamento dos dados é feito em serviços que podem ser acessados de qualquer lugar, a qualquer hora, sem precisar instalar programas.
Para utilizar esse serviço é necessário inscrição em um site de armazenamento como o DropBox, SkyDrive (da Microsoft), Google Drive, entre outros.
• Ainda dentro da organização, um ponto a ser destacado é quanto aos trâmites burocráticos de seu trabalho de conclusão de curso.
• Isso varia entre as instituições de ensino, portanto se informe dos prazos e passos para a entrega de seu tcc.
• Para facilitar, faça um calendário marcando as datas de entrega ao orientador e um cronograma com suas metas.
• Com as datas indicadas, é mais fácil cumprir as etapas necessárias.

PLÁGIO
• Cuidado com o plágio!
• As consequências para o plágio estão previstas em lei.
• Os professores possuem também à sua disposição ferramentas para detectar o plágio.
• Além disso, por sempre ler obras de outros autores, é fácil para um professor perceber similaridades em textos.

Tipos de Plágio:
Há várias classificações de tipos de plágio. Uma delas é a classificação do professor Lécio Ramos, que descreve três tipos muito comuns de plágio:
• Integral: reprodução de um texto completo sem citar a fonte.
• Parcial (ou mosaico): reprodução de partes do texto, como frases ou parágrafos de fontes diferentes, para dificultar a identificação.
• Conceitual: é a apropriação das ideias ou conceitos, sem citar a fonte.
Já Marcelo Krokoscz subdivide o plágio acadêmico em cinco modalidades:
• Plágio Direto: cópia literal, sem citar a fonte.
• Plágio Indireto: reprodução com as próprias palavras das ideias de um texto, sem citar a fonte.
• Plágio de Fontes: utiliza fontes secundárias (de um autor consultado) como se tivessem sido consultadas em primeira mão.
• Plágio Consentido: são os textos entregues em nome de uma pessoa, mas que foi realizado por outra e com o consentimento dela.
• Autoplágio: textos ou trabalho do próprio autor que já foram publicados antes são entregues como se fossem originais.Legislação no Brasil:
• Cada país tem sua legislação.
• No Brasil é considerado crime, tendo sua referência na Lei 9.610/98, sobre Direitos Autorais.
• É uma lei voltada para a proteção de obras comerciais.
• No caso de trabalhos acadêmicos, o recomendado é seguir as normas da ABNT, que não admitem exceções para textos copiados, e tem regras quanto à citação de outras fontes.
Além dessa lei, há o Código Penal Brasileiro, que prevê “Crimes contra a propriedade intelectual”.
O Código Penal Brasileiro prevê, em seus artigos 184 e 186, referentes à propriedade intelectual:
• Violar direito autoral: Pena – Detenção, de 3 meses a 1 ano, ou multa.
§1º Se a violação consistir em reprodução, por qualquer meio, com intuito de lucro, de obra intelectual, no todo ou em parte, sem autorização expressa do autor ou de quem o represente, (…): Pena – reclusão, de 1 (um) a 4 (quatro) anos, e multa, (…).TIPOS DE PESQUISA PARA O TCC
Estes são alguns tipos de pesquisa que podem ser feitas de acordo com o seu tema ou área de estudo.Pesquisa Exploratória
• A situação é estudada através de um levantamento bibliográfico da área ou então são realizadas entrevistas com profissionais desse segmento.
• É uma pesquisa específica.
• É preciso fazer uma sondagem para chegar ao tema a ser pesquisado, já que o tema não é conhecido.

Pesquisa Explicativa
• É usado para explicar um fato ou fenômeno.
• As reflexões são feitas através de um levantamento bibliográfico.
• Está mais voltada para as ciências físicas e naturais.

Pesquisa Experimental
• É usado principalmente nas áreas biológicas.
• Busca os fatores que desencadeiam certos fenômenos, fazendo uma reprodução controlada da realidade.

Pesquisa Descritiva
• Busca a resolução de problemas com base na observação, análise e descrições objetivas.
• Por exemplo, usa questionários para identificação do conhecimento.
• Não há interferência do pesquisador na atividade.

Pesquisa Ação
• Pode ser feita por mais de uma pessoa, para resolver alguma questão.
• Também tem um cunho bibliográfico.
• O pesquisador pode intervir e analisar uma problemática social.
• Tem uma base empírica.

Estudo de Caso
• É importante tem uma boa base teórica na área escolhida, já que será feito um estudo com um objeto de pesquisa restrito.
• Há um aprofundamento em suas características para buscar explicações sobre o caso.

Pesquisa Bibliográfica
• A pesquisa bibliográfica envolve ler e analisar livros, artigos, periódicos, imagens, mapas, etc.
• Ou seja, o material que vai ser utilizado na fundamentação teórica do trabalho.
• Através da pesquisa o aluno vai conhecer contribuições científicas a respeito do seu tema.

Bibliografia
• A bibliografia inclui pelo menos 10 fontes para consulta.
• Quanto mais informações, mais fácil fica para escrever o trabalho.

Obs:
• O seu TCC pode vir a ser usado como fonte bibliográfica.
• É preciso, portanto, atenção com o material que você vai desenvolver.
• As referências bibliográficas devem ser feitas adequadamente, pois é através delas que é possível evitar o plágio.
• Quando você faz a correta referência em seu trabalho, evita induzir as pessoas a pensar que as ideias ou resultados expostos são de sua autoria, quando na verdade são de outro(s) autor(es).
• É nas referências que os leitores saberão, por exemplo, quais são as suas contribuições e quais foram usadas como base para o trabalho.ESCREVENDO O TCC
Veja como é o processo de escrever seu TCC.
• Nos primeiros capítulos que você for escrevendo e levando para seu orientador é possível que eles voltem cheios de observações e comentários.
• Alguns cobrando que sejam mais bem escritos ou pedindo mudanças.
• Isso é normal, pois leva um tempo para aprender a escrita acadêmico-científica.
• À medida que for fazendo, irá melhorando sua escrita.
• É um trabalho mais complexo do que um artigo científico.
• Lembre-se que seu trabalho pode ser usado para pesquisas de outras pessoas.
• Com isso em mente, reflita se o seu trabalho oferece um material adequado.
• Ele possui esquemas, ilustrações, diagramas corretos como apêndice?
Dica: Tenha sempre um dicionário à mão!
Elementos da redação
• A escrita científica é simples.
• A clareza e simplicidade são importantes para que os leitores entendam sua mensagem, por isso que uma linguagem mais elaborada não seja a mais adequada.
• Os parágrafos devem conter no máximo cinco frases, para não ficar muito longo.
• Quando é muito extenso, o leitor pode se cansar ou se perder na leitura.
• Uma dica para avaliar seu texto, é fazer a leitura dele em voz alta, procurando simplificar o que estiver complicado para entender.Dicas para a redação do TCC
• Escreva primeiro uma ideia principal, em uma ou duas frases. A partir daí elabore o restante, o principal é ter por onde começar.
• Formule um esboço, respondendo a algumas perguntas básicas: o quê, por quê, como, quando e onde. Isso ajuda a sintetizar a ideia principal de seu trabalho.
• Sente-se em um ambiente apropriado para escrever. Observe sua postura, a iluminação, nível de distrações do ambiente como televisão, telefone, etc. Isso ajuda na concentração.
• Sempre leia e revise seu texto. Às vezes pode passar despercebido algum erro ou ideia que poderia ser escrita de maneira mais clara.
• A formatação deve estar correta.
• Evite expressões coloquiais, ou seja, o que é dito em conversas do dia a dia. Evite também o uso excessivo de adjetivos.FORMATAÇÃO DE TCC
Normas ABNT
Formatação no Brasil
Estas são algumas normas da ABNT que se referem a trabalhos acadêmicos:
• NBR 14724:2005 (sobre trabalhos acadêmicos)
• NBR 12225:2004 (sobre lombada)
• NBR 10520:2002 (sobre citações)
• NBR 6027:2003 (sobre sumário)
• NBR 6023:2002 (sobre referências)
• NBR 6028:2003 (sobre resumo)
• NBR 5892:1989 (sobre abreviações de títulos e publicações)Normas Básicas Para Apresentação:
• Texto digitado na cor preta (exceto ilustrações, que podem ser coloridas).
• Todas as citações devem aparecer na Referência Bibliográfica.
• Possuir mínimo de 40 páginas (seguir as regras da sua Instituição de Ensino, pois esse número pode ser diferente).
• Formato do papel: Pode ser papel branco ou reciclado, A4, impressão em uma face da folha, na cor preto.
• Margem: superior e esquerda de 3 cm, e inferior e direita de 2 cm.
• Parágrafo: tabulação de 1,27 cm a partir da margem esquerda da folha do texto, justificado.
• Entrelinhamento ou espacejamento: o espaço entre uma linha e outra deve ser em 1,5 (um e meio), também usado na separação de parágrafos. O espaço entre títulos, subtítulos deve seguir um padrão, mas normalmente é utilizado dois espaços duplos.
• Fontes: tamanho 12 para todo o texto. Em citações longas, recomenda-se utilizar fonte 10. Arial ou Times New Roman.
• Paginação: Contagem em números arábicos (1, 2, 3, 4, etc.) inicia a partir da folha de rosto. As folhas pré-textuais são contadas, mas não numeradas, assim como as páginas de abertura de capítulos. Aparece no canto superior direito, a 2 cm da borda superior e direita da folha.
• Dica: No programa Microsoft Word não é possível formatar corretamente essa contagem das páginas, então uma dica é separar os elementos pré-textuais em outro documento.
• Citação: pode ser direta, textual ou literal. São os trechos de outros autores usados para complementar as ideias do autor e dar mais credibilidade à pesquisa bibliográfica.
• As citações curtas são inseridas entre aspas (“). As longas, com mais de três linhas, devem vir em outro parágrafo com um recuo de 4 cm da margem esquerda, com fonte e espaço entre linhas menores.
• É obrigatória a indicação da página e nome do autor.
• As normas apresentadas aqui podem ser consultadas nas bibliotecas.
• É padrão é que as instituições de ensino superior solicitem os trabalhos dentro das normas da ABNT.
• Verifique com sua Instituição de Ensino quais são as normas exigidas.

ESTRUTURA DE TCC
A estrutura básica do TCC é introdução, desenvolvimento, metodologia e conclusão.
A estrutura segue normas para a citação de fontes bibliográficas consultadas.
Existem três partes fundamentais de um TCC.
São os elementos pré-textuais, textuais e pós-textuais.
Veja na sequência como formatar cada item obrigatório no trabalho de conclusão de curso.

Elementos pré-textuais:
• Capa (obrigatório)
• Lombada (opcional)
• Folha de rosto (obrigatório)
• Errata (opcional)
• Folha de aprovação (obrigatório)
• Dedicatória (opcional)
• Agradecimento (opcional)
• Epígrafe (opcional)
• Resumo em Língua Vernácula (obrigatório)
• Resumo em Língua Estrangeira (obrigatório)
• Lista de Ilustrações (opcional)
• Lista de Abreviaturas e Siglas (opcional)
• Lista de Símbolos (opcional)
• Lista de Tabelas (opcional)
• Sumário (obrigatório)Elementos Textuais:
• Introdução (obrigatório)
• Desenvolvimento (obrigatório)
• Conclusão (obrigatório)Elementos Pós-textuais:
• Referências (obrigatório)
• Glossário (opcional)
• Apêndice (opcional)
• Anexo (opcional)Elementos pré-textuais obrigatórios:
Capa – Deve conter:
• Nome da instituição (com letra maiúscula, fonte 12, centralizada na parte superior);
• Nome do autor (com letra maiúscula, fonte 12, centralizada na parte superior, se houver mais de um, devem ser colocados em ordem alfabética);
• Título do Trabalho (claro e preciso, destacado no centro da página, com letra maiúscula, fonte 14) (Se houver subtítulo deve estar separado por dois pontos);
• Local (cidade da instituição e ano da entrega, ao pé da pagina, com a data em algarismos arábicos).
Folha de Rosto – Deve conter:

• Autor;
• Título (e subtítulo, se houver);
• Nota indicativa da natureza acadêmica (monografia, tese, etc), unidade de ensino, instituição e nome do orientador;
• Local (cidade da instituição);
• Ano de entrega;
• Ficha catalográfica (de acordo com o Código de Catalogação Anglo-Americano vigente).
Folha de Aprovação:
Deve vir após a folha de rosto, com os seguintes elementos:
• Nome do autor;
•Título do trabalho (e subtítulo, se houver);
• Natureza;
• Objetivo;
• Nome da Instituição;
• Área de concentração;
• Data da aprovação;
• Nome;
• Titulação;
• Assinatura dos membros da banca examinadora.
Resumo na Língua Vernácula:
• Síntese dos pontos relevantes do TCC.
• Usar a voz ativa na terceira pessoa do singular, frases objetivas, evitar adjetivos desnecessários, não emitir julgamentos ou comentários pessoais.
•Uso de 150 a 500 palavras.
Resumo em Língua Estrangeira (Abstract):
• É a tradução do resumo em uma língua estrangeira de divulgação internacional, preferencialmente o inglês.
Sumário:
• Contém os capítulos por ordem numérica progressiva.
• Deve conter os títulos das seções, seguidos por pontilhados, e então as páginas iniciais de cada seção.
Elementos Textuais Obrigatórios:
Introdução:
• É a parte inicial do texto e deve conter uma apresentação e delimitação do assunto do trabalho, seu objetivo, as questões que ele pretende responder, sua relevância, metodologia, e o que mais for necessário para introduzir seu trabalho.
Desenvolvimento:
• É a parte principal do texto, que contém a exposição do assunto, a resolução do problema apresentado, os fatos, argumentos, etc.
• É subdividido de acordo com a abordagem do tema e do método.
Conclusão:
• É a parte final do texto.
• Contém as conclusões do que foi apresentado e de acordo com os objetivos ou hipóteses desenvolvidas ao longo do trabalho.Elementos Pós-textuais Obrigatórios:
Referências:
• É elaborado de acordo com a norma NBR 6023.
• De uma maneira geral, as fontes de informação podem ser: livros, artigos científicos, periódicos (revistas), manuais, dissertações, teses, entre outros.
• Deve conter, sempre que for o caso, a identificação do autor e o título destacado em negrito.BANCA
É papel da banca fazer uma análise crítica do trabalho, levantando e discutindo pontos positivos e negativos do trabalho e apresentação.
1 → A banca examinadora é composta de 3 pessoas.
Uma delas é o professor orientador, que normalmente preside a banca.
A banca pode conter um professor externo (que não seja da instituição de ensino).
2 → O professor orientador avalia se há condições do trabalho ser levado à banca.
E se algum dos componentes da banca acreditar que o trabalho não está preparado para ir à banca, ele deve procurar o professor orientador.
3 → Todos recebem um exemplar de seu tcc com antecedência para fazerem uma análise crítica (em média 30 dias).
4 → A avaliação do trabalho leva em conta desde os erros gramaticais, até se o conteúdo está coerente com o tema.
O desenvolvimento do texto, a escolha da metodologia, a conclusão, cumprimento das normas, tudo é avaliado pela banca.
Quanto à apresentação, são avaliados: a segurança do aluno, exposição clara das ideias, organização e domínio do assunto, tempo e postura.
5 → Depois que o aluno termina sua apresentação, cada um dos componentes da banca expõe suas observações.
Depois da fala de todos, então o aluno responde aos questionamentos.
Após isso, todos se retiram do local para a banca avaliar o trabalho e a apresentação.
6 → Ao chegaram a uma conclusão, o aluno e demais pessoas são chamados de volta para a leitura da Ata de Apresentação do Trabalho.
7 → Se houver alguma alteração, o aluno tem até dez dias (em média) para entregar a versão final do trabalho. Vale lembrar que os prazos e procedimentos variam de acordo com a instituição de ensino.APRESENTAÇÃO DE SLIDES
Caso escolha utilizar este recurso em sua apresentação, veja algumas considerações:
• Cuidado para não deixar a apresentação poluída.
• Uma dica é colocar palavras-chave para conduzir a apresentação, porque não se deve ler.
• Colocar somente ilustrações que tenham relação com o trabalho.
• Não use letras muito pequenas.
• Para não se perder sobre o conteúdo a ser colocado nos slides, faça um roteiro.
Veja algumas dicas:
• Apresentação: Logo no primeiro slide deve ter dados suficientes para identificação do projeto, o título, seu nome e do orientador.
• Introdução: aqui você pode justificar porque escolheu o tema, o objetivo do estudo, abordagem, e como foi a condução da pesquisa.
• Desenvolvimento: nessa parte é interessante abordar como foi o desenvolvimento do trabalho, as alterações, e falar rapidamente sobre os capítulos do trabalho.
• Conclusão: mostre o resultado final e se o objetivo inicial foi atingido. Agradeça as pessoas que ajudaram no projeto e a atenção da banca.

HORA DA APRESENTAÇÃO
Veja algumas dicas para antes da apresentação do seu tcc.
1. A escolha do tema é importante também para a apresentação de seu trabalho. Quando você está à vontade sobre o tema, é mais fácil para falar sobre ele.
2. Enquanto você faz seu trabalho, vá tomando nota das ações ao longo da preparação. Lembre-se que na apresentação a banca pode questionar qualquer ponto do seu trabalho, portanto é fundamental preparar-se.
3. Geralmente o tempo de apresentação fica em torno de 20 a 30 minutos. Tenha em mente que é importante colocar em sua apresentação somente os pontos com mais destaque para não passar do tempo estipulado.
4. Uma dica é fazer um resumo de seu trabalho para auxiliar a lembrar dos pontos importantes para abordar durante a apresentação. Não é para ser lido, apenas para ser estudado.
5. Procure treinar a apresentação, principalmente em frente às pessoas para simular a situação e controlar o tempo.
6. Na noite que antecede sua apresentação procure descansar e dormir bem.
7. Chegar cedo para conhecer o local é importante para verificar se está tudo funcionando bem, se a iluminação está correta, treinar a posição para falar, etc.

DICAS PARA DURANTE E DEPOIS DA APRESENTAÇÃO DO TCC
Agora que você viu as dicas para antes da apresentação, veja algumas para o momento da defesa e logo após.
Durante a defesa:
• Controlar o nível de nervosismo é fundamental para manter a calma e poder apresentar o que você treinou antes.
• Demonstrar confiança aos professores da banca ajuda a mostrar que você está preparado e pode falar com propriedade sobre o assunto de seu trabalho.
• Fazer contato visual é uma maneira de demonstrar isso.
• Não precisa temer a banca, afinal ninguém sabe mais do seu trabalho do que você!
• Mostrar segurança também é um ponto a seu favor.
• Isso pode ser mostrado com um vocabulário adequado, gestos, posturas e movimentação confiantes.
• Cuidar com o ritmo da fala para não ser rápido ou devagar demais.
• Se cometeu algum erro ou esqueceu-se de algum ponto, corrija, de preferência no final da apresentação.
• Evitar o uso de gírias, procure fazer uso do português corretamente.
• Mantenha um nível de voz adequado.
• Quanto ao vestuário, prefira o uso de roupas formais, com cores mais neutras.
• É um clima mais formal.
• Importante: Não se esqueça de desligar o celular.
Depois da defesa:
• Assim que terminar, agradeça pela atenção de todos e mostre-se disponível para tirar qualquer dúvida que tenham sobre seu trabalho.
• Caso o seu trabalho seja criticado, seja humilde e reconheça o erro.
• Ou então discuta amigavelmente sobre o assunto, mostrando a sua perspectiva.
Depois da Defesa:
• Pode ser que a banca peça algumas correções em seu trabalho ou que refaça algumas partes.
• Não encare como uma afronta pessoal, mas sim como uma lição para seu aprendizado.

Comentários

  1. Faculdade de Letras

    Muito bom, gostei do artigo, vou recomendar seu site!

  2. Marcela

    Muito bom mesmo, adorei as dicas obrigado!

  3. Roberta

    esse assunto realmente causa muitas dúvidas nos estudantes, mas esse artigo foi esclarecedor, obrigado por essas dicas!

  4. Artur

    gostei bastante, se puder escrever mais postagens como essa agradeço bastante!

  5. Batista

    conteúdo de qualidade parabens, hoje em dia está difícil, vou compartilhar e fiz questão de deixar meu comentário, obrigado!

  6. Paulo Gusmão

    Os anos de graduação são os mais memoráveis de minha vida.

    Até hoje lembro com um sorriso no rosto, principalmente a fase do tcc.

    Terminei a graduação ano passado e esse método de blocos me ajudou bastante.

  7. Jairo

    Bacana.

  8. Danyllo Rodrigues

    Boa tarde Luana, infelizmente não, você teria que negociar com seu chefe a respeito da sua necessidade de se ausentar por conta do TCC, para que ele possa alterar seu horário de entrada e saída, ou para combinar um horário para você repor estas horas perdidas de trabalho. Boa sorte com o TCC!

  9. John

    I truly prize your function, Wonderful post.

  10. carol

    Parabens Pelo seu Artigo muito bom Gostei

  11. Amanda

    Bacana.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *